... Em sentimentos que envolvem o universo feminino, pois “Não se nasce mulher: torna-se.” (Simone de Beauvoir)
A dualidade de sentimentos que envolvem o Universo Feminino.

São tantos os sentimentos em busca da identidade feminina, cujos contratempos das emoções transbordadas vão do êxtase secreto à cólera explícita...

Esse blog é um espaço aberto acerca de relatos e desabafos relativos as alegrias e tristezas, felicidades e angústias... Sempre objetivando a solidariedade e ajuda ao próximo.

domingo, 29 de setembro de 2013

A morte em vida... A vida em morte.




Mataste-me, mas a vida não findou.
O sofrimento me come, em vida.
A dor me dilacera, a vida.

Do chão frio que me jogaste, tu ainda pisa-me ao ir embora.
Dentre as lágrimas correntes do meu pranto, tu não estais mais aqui para enxugá-las. 
De todos os obstáculos quase intransponíveis que me paralisa, tu não me deste a mão. 
Dos meus pulsos que jorra sangue, tu não estais aqui para estancá-lo.

Deste-me a morte viva para viveres morto !

Claudine Garcy