... Em sentimentos que envolvem o universo feminino, pois “Não se nasce mulher: torna-se.” (Simone de Beauvoir)
A dualidade de sentimentos que envolvem o Universo Feminino.

São tantos os sentimentos em busca da identidade feminina, cujos contratempos das emoções transbordadas vão do êxtase secreto à cólera explícita...

Esse blog é um espaço aberto acerca de relatos e desabafos relativos as alegrias e tristezas, felicidades e angústias... Sempre objetivando a solidariedade e ajuda ao próximo.

quinta-feira, 12 de maio de 2016

Tristeza...



“Nunca ninguém pareceu tão triste. amarga e sombria, a meio caminho da descida, no escuro, no poço que ia da claridade do sol à escuridão das profundezas, uma lágrima se formava, talvez: uma lágrima escorria; as águas se mexeram, para um lado, para o outro, receberam-na e, voltaram ao repouso. Nunca ninguém pareceu tão triste.” Virginia Woolf in Ao Farol