... Em sentimentos que envolvem o universo feminino, pois “Não se nasce mulher: torna-se.” (Simone de Beauvoir)
A dualidade de sentimentos que envolvem o Universo Feminino.

São tantos os sentimentos em busca da identidade feminina, cujos contratempos das emoções transbordadas vão do êxtase secreto à cólera explícita...

Esse blog é um espaço aberto acerca de relatos e desabafos relativos as alegrias e tristezas, felicidades e angústias... Sempre objetivando a solidariedade e ajuda ao próximo.

domingo, 8 de maio de 2011

O Abandono...

Por tantas vezes...
Clamei em vão tua presença !
Mas, você não vinha...


Por tantas vezes...
Desesperei-me pela tua ausência !
Mas, você não estava...


Por tantas vezes...
Chorei solitária seu abandono !
Mas, você não ouvia...


Por tantas vezes...
Almejei teu carinho !
Mas, você não queria...


E, assim, por tantas e tantas vezes...
Fui catando as poucas migalhas que me jogava ao chão...
Então, acabei vagando sozinha ...


Até cansar de tanto mendigar você pra mim.
Mas, você só me queria para satisfazer seus caprichos.
E, eu, só queria Romance !!!
                      

Hoje, sou Camille Claudel...
Colérica, amargurada, abandonada...
Praguejando o desprezo do Rodin. (Claudine Garcy)